Última hora

Última hora

Polícia turca investiga atentado contra autocarro da polícia em Istambul

Em leitura:

Polícia turca investiga atentado contra autocarro da polícia em Istambul

Tamanho do texto Aa Aa

Um atentado bombista provocou esta manhã 16 feridos nos arredores de Istambul.

A ação, que não foi reivindicada, ocorreu quando um autocarro da polícia circulava junto ao edifício do partido governamental AKP na cidade.

O primeiro balanço do ataque falava de 10 feridos, mas o primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan, que condenou a ação, referiu que 15 polícias e um civil ficaram feridos após o ataque.

Na origem da deflagração estará uma bomba dissimulada numa mota e ativada por controlo remoto.

Uma testemunha afirma ter ouvido a explosão, “quando circulava num autocarro. Vi os pneus a explodirem, vi chamas e senti o forte impacto da explosão que foi aqui nesta zona. Nesse momento corremos todos para aqui para ver o que se passava e vimos vários polícias feridos”.

A polícia turca não se pronunciou sobre a autoria do ataque, similar àqueles reivindicados no passado por grupos radicais curdos, de extrema esquerda ou islamitas.

O correspondente da Euronews afirma que, “a polícia está a analisar o autocarro que foi projetado cerca de 100 metros pela explosão. As autoridades tentam apurar quem poderá estar por detrás do ataque”.