Última hora

Última hora

AIEA acusa Irão de triplicar enriquecimento de urânio

Em leitura:

AIEA acusa Irão de triplicar enriquecimento de urânio

Tamanho do texto Aa Aa

A Agência Internacional de Energia Atómica acusa o Irão de estar a triplicar a produção mensal de urânio enriquecido.

Yukiya Amano, diretor-geral da agência da ONU, garante estar “seriamente preocupado” com uma eventual “dimensão militar das atividades atómicas de Teerão” – algo que o Irão continua a negar veementemente.

Amano, que discursou durante a abertura do conselho dos governadores da AIEA, lamenta, contudo, a falta de cooperação do governo iraniano, após duas rondas negociais já este ano.

O diretor-geral da agência procura o apoio dos 35 países membros – que se reúnem, em Viena, até à próxima sexta-feira – para fazer avançar o dossiê.

Há oito anos que A Agência Internacional de Energia Atómica tenta averiguar se sim ou não, o governo iraniano tenta fabricar armas atómicas. Mas este continua a negar o acesso dos responsáveis da agência às centrais nucleares do país.