Última hora

Última hora

Obama pediu mais tempo a Israel

Em leitura:

Obama pediu mais tempo a Israel

Tamanho do texto Aa Aa

Na conferência anual do Comité de Relações Públicas Americano-Israelitas, Barack Obama pediu a Israel mais tempo para que as sanções internacionais isolem ainda mais o Irão.

O apelo surgiu um dia antes de uma reunião com o primeiro-ministro israelita e num contexto de declarações de responsáveis israelitas sobre um possível ataque unilateral ao Irão.

“Em nome da segurança de Israel, da segurança dos Estados Unidos e da paz e segurança no mundo, este não é o momento para falar agressivamente. É sim, o momento de deixar que a nossa pressão reforçada faça efeito e apoiar a ampla coligação internacional que construímos”, disse.

Na mesma conferência, o presidente israelita, Shimon Peres, afirmou que Israel vencerá se for obrigado a combater o Irão, um regime que qualificou “diabólico, cruel e moralmente corrupto”.

“A paz é a nossa primeira opção, mas se formos obrigados a lutar, acreditem que venceremos”, sublinhou o presidente.

Por várias vezes responsáveis israelitas referiram a possibilidade de atacar o Irão para impedir Teerão de conseguir progressos irreversíveis no fabrico de uma arma nuclear.

Barack Obama sublinhou também que o Irão ainda pode escolher a via diplomática para resolver esse problema.