Última hora

Última hora

Proteção civil israelita prepara-se para eventual ataque iraniano

Em leitura:

Proteção civil israelita prepara-se para eventual ataque iraniano

Tamanho do texto Aa Aa

Israel prepara-se para a retaliação iraniana no caso de um eventual ataque às suas instalações nucleares. Em Telavive, a proteção civil preparou o maior abrigo subterrâneo do país. Na praça Habima, em frente ao Teatro Nacional, ultimam-se os preparativos numa casamata de quatro andares com capacidade para 2.000 pessoas.

O responsável pela segurança civil na cidade, Moshe Tiomkin, assegura que “o município está a fazer todos os esforços, em tempo, dinheiro e horas de trabalho, para assegurar que as infraestruturas estejam prontas quando forem necessárias.”

Nas ruas a preocupação é crescente. O governo tem ideias muito definidas. Um ataque preventivo às instalações nucleares iranianas desenha-se no horizonte.

“Estou preocupada porque nós vamos atacá-los e eles vão atacar-nos. No final, ninguém vai ganhar nada com isso. O que é que vai acontecer? É assustador” – afirma uma residente de Telavive.

Muitos israelitas, habituados a viver sob ameaça, parecem dar mais importância ao sol invernal apesar dos preparativos das autoridades e da consciência do perigo.