Última hora

Última hora

Alemanha: Funcionários públicos iniciam semana de greves

Em leitura:

Alemanha: Funcionários públicos iniciam semana de greves

Tamanho do texto Aa Aa

Abriu a época das greves na Alemanha. Os aderentes de dois sindicatos de funcionários públicos, o Ver.di e o DBB, iniciaram esta segunda-feira greves que se vão suceder em vários estados ao longo da semana. Em causa, as negociações salariais dos funcionários federais e municipais.

“Estão-nos sempre a dizer crise, crise, crise… há trabalhadores, casados com duas crianças, que têm de viver com 1400 euros limpos, o que é insuportável. E mesmo que haja uma crise, o governo coleta tanto dinheiro com o IRS, se não for agora então quando é que podemos pedir mais dinheiro” – questiona um trabalhador, enquanto uma grevista recorda a intransigência dos negociadores: “Espero que os dois lados consigam pelo menos sentar-se à mesa. É muito triste, eles não nos fizeram nenhuma oferta. Disseram-nos logo que as nossas exigências eram muito elevadas e que não iam negociar.”

Os funcionários reclamam um aumento de 6,5 por cento, com um mínimo de 200 euros. No dia 6 de março começam também as negociações no setor da metalurgia, lideradas pelo maior sindicato dos trabalhadores do privado, o IG Metall. Depois de anos de restrições salariais na Alemanha, os trabalhadores pretendem recuperar poder de compra.