Última hora

Última hora

Aniversário de Fukushima motiva manifestações na Europa

Em leitura:

Aniversário de Fukushima motiva manifestações na Europa

Tamanho do texto Aa Aa

Um ano após o desastre nuclear de Fukushima, no Japão, alemães e franceses uniram-se em protesto contra a energia nuclear.

Centenas de manifestantes reuniram-se em frente à central nuclear de Fessenheim, na França, exigindo o encerramento. Esta é a central nuclear mais antiga do país e está em funcionamento desde 1977.

O aniversário de Fukushima foi assinalado de modo idêntico, um pouco por toda a Europa.

Em Madrid centenas de cidadãos e ativistas ecológicos protestaram contra energia nuclear e exigiram o encerramento da central de Santa Maria de Garoña, perto de Burgos, no norte de Espanha.

Na Polónia, o Partido dos “Verdes” promoveu várias manifestações de protesto, um pouco por todo o país. Os ecologistas estão contra a intenção do governo de construir uma central nuclear e afirmaram que a maioria dos polacos está contra a introdução da energia nuclear na Polónia.