Última hora

Última hora

Ataque incêndiário contra mesquita em Bruxelas

Em leitura:

Ataque incêndiário contra mesquita em Bruxelas

Tamanho do texto Aa Aa

As tensões criadas pela situação na Síria poderão estar na origem do ataque de ontem contra uma mesquita xiita, no bairro de Anderlecht em Bruxelas.

Um homem lançou um cocktail molotov sobre o edifício que foi parcialmente consumido pelas chamas.

O líder religioso da comunidade morreu na sequência do ataque, intoxicado pelo fumo e pelo menos uma pessoa ficou ligeiramente ferida.

O edil de Anderlecht condenou o ataque, “espero e não duvido que o responsável será punido à altura da violência do ato injustificado e injustificável”.

A polícia deteve um homem suspeito de estar por detrás do ataque, alegadamente um muçulmano salafita que teria justificado a ação com a suposta responsabilidade dos xiitas nos massacres na Síria.

A correspondente da euronews sublinha que, “o ataque ocorreu apenas alguns minutos antes do início da última oração do dia, o que terá evitado que outras pessoas tenham ficado feridas ou afetadas pelo ataque. De qualquer forma causou enorme consternação em toda a comunidade e as autoridades esperam obter mais informações sobre as motivações do autor”.