Última hora

Última hora

Novos membros de grupo ultranacionalista prestam juramento no centro de Budapeste

Em leitura:

Novos membros de grupo ultranacionalista prestam juramento no centro de Budapeste

Tamanho do texto Aa Aa

Uma centena de novos membros da ultranacionalista Guarda Nacional Húngara prestou juramento este sábado em plena Praça dos Heróis de Budapeste.

Para evitar a intervenção policial, o grupo de extrema-direita realizou a cerimónia com um joelho no chão e em voz baixa, contornando assim a legislação que proíbe manifestações de caráter paramilitar.

A cerimónia, rodeada de fortes medidas de segurança, foi contestada por dezenas de manifestantes antirracismo.

Um dos manifestantes diz que “eles vieram aqui para introduzir novos membros na Guarda, mas [o grupo] foi banido pelos tribunais. Este protesto serve para mostrar que ser húngaro não pode ser equiparado a ter uma ideologia fascista”.

A Guarda Nacional Húngara foi criada em 2010, como herdeira da ilegalizada Guarda Húngara, que até Junho de 2009 funcionou como o braço paramilitar do partido da extrema-direita Jobbik.