Última hora

Última hora

O rosto do autor confesso dos ataques no sudoeste de França

Em leitura:

O rosto do autor confesso dos ataques no sudoeste de França

Tamanho do texto Aa Aa

O rosto de Mohamed Merah tornou-se conhecido depois de divulgado este vídeo.

O homem confessou a autoria dos ataques contra militares e uma escola judaica no sudoeste de França, depois de ter sido encurralado pelas forças especiais gaulesas.

O cidadão francês de origem argelina descrevia-se como um combatente islâmico, membro da Al-Qaeda.

Nos últimos anos, deslocou-se ao Paquistão e ao Afeganistão, mas as autoridades não confirmam que tenha recebido formação nos campos de treino de radicais islamitas.

Mecânico de profissão, Merah era um apaixonado por motas e futebol.

A maioria dos vizinhos fala de um homem tranquilo e o cerco policial que começou na madrugada de quarta-feira deixou o bairro em alvoroço.

Os investigadores falam de um homem obstinado, que se preparava para cometer novos ataques.
Os psicólogos de um indivíduo anti-social.

Certo, é que Merah não mostrou qualquer tipo de arrependimento. Disse apenas que lamentava não ter assassinado mais pessoas.