Última hora

Última hora

Procurador de Paris confirma que os ataques foram filmados

Em leitura:

Procurador de Paris confirma que os ataques foram filmados

Procurador de Paris confirma que os ataques foram filmados
Tamanho do texto Aa Aa

Foram encontrados os vídeos dos ataques no sudoeste de França.
 
O anúncio foi feito pelo Procurador de Paris, esta quinta-feira, durante uma conferência de imprensa.
 
 
Segundo François Moullin os vídeos são claros. O Procurador garante que num deles está registado o encontro entre o homicida e a primeira vítima, um militar, que tentava vender a moto. Merah, adianta, é visto a abater este soldado e dois outros em Montauban. Um cenário, afirma, extremamente violento e a fugir ao volante de uma scooter. Mais tarde, conclui, surge a atacar a escola judaica de Toulouse.
 
Um grupo com ligações à Al-Qaida no Magrebe Islâmico reivindicou, através da internet, os ataques de Toulouse. A justiça francesa promete investigar
 
O Procurador afirma que as investigações vão continuar. François Moullin diz que tudo aponta para Merah esteja por detrás dos três ataques, mas a hipótese de existirem cúmplices continua em cima da mesa.
 
Durante o encontro com os jornalistas, o Procurador sublinhou que as unidades de elite tudo fizeram para capturar Merah com vida e que agiram em legítima defesa.