Última hora

Última hora

Equador: Indígenas protestam contra projetos de mineração

Em leitura:

Equador: Indígenas protestam contra projetos de mineração

Tamanho do texto Aa Aa

No Equador cerca de 2.000 indígenas apoiados por setores da oposição chegaram esta quinta-feira a Quito após uma marcha de 700 km.
O objetivo desta ação é protestar contra a mineração em grande escala em territórios seus e exigir leis para o controlo da água e a redistribuição
de terras.

Segundo as autoridades, após a chegada registaram-se escaramuças com a polícia que causaram ferimentos em pelo menos quatro elementos das forças de segurança.

Por seu lado o presidente socialista Rafael Correa condenou o protesto e os confrontos.

“Água ou mineração? Como se não se pudesse ter boa água e boa mineração. Não permitiremos que também nos roubem isso. Fomos nós que defendemos a água deste país, e não foi só com palavras”, disse o presidente socialista.

Mais de 60 mil simpatizantes reuniram-se em frente do palácio do Governo para apoiarem Rafael Correa.

O governo assinou contratos de exploração mineira com uma empresa chinesa e até ao final do ano espera assinar mais três, com companhias canadianas.