Última hora

Última hora

Mali: Junta Militar quer negociar com rebeldes tuaregues

Em leitura:

Mali: Junta Militar quer negociar com rebeldes tuaregues

Tamanho do texto Aa Aa

A Junta Militar que tomou o poder no Mali apelou aos rebeldes tuaregues para cessarem os combates e negociarem a paz. De acordo com o chefe dos golpistas, o capitão Amadou Sanogo, “tudo é negociável excetuando a integridade do território nacional”. Desde meados de janeiro que a rebelião avança no norte do país, sobretudo desde que acolheu nas suas fileiras combatentes fortemente armados que lutaram na Líbia às ordens do regime de Kadhafi.

O chefe da Junta Militar anunciou igualmente esta noite a abertura de consultas à sociedade civil e exortou a classe política a unir esforços com os golpistas para traçar o caminho mais rápido para o regresso à ordem constitucional. O capitão Sanogo não revelou quando pensa devolver o poder a um governo civil.