Última hora

Última hora

Damasco aceita proposta de paz mas a violência continua

Em leitura:

Damasco aceita proposta de paz mas a violência continua

Tamanho do texto Aa Aa

Combates entre militares e membros do Exército Sírio Livre causaram esta noite a morte a, pelo menos, oito pessoas, de acordo com o Observatório sírio dos Direitos Humanos.

A violência mantém-se no terreno apesar dos esforços da diplomacia. O enviado especial conjunto da ONU e da Liga Árabe para a Síria, Kofi Annan, disse ontem que o governo sírio aceitou uma proposta de paz da organização internacional para um cessar-fogo, mas que é preciso esforços para implementá-lo.

“Eles perceberam como outros países que é importante resolver esta crise de forma pacífica antes que se radicalize e o governo chinês comprometeu-se a fazer todo o possível para trabalharmos em conjunto na pacificação do problema”.

O presidente que ontem visitou Homs depois de semanas de bombardeamentos por parte do exército sírio terá sido alvo de um atentado durante esta visita segundo o jornal israelita Haretz.