Última hora

Última hora

Egito: Laicos protestam contra domínio islâmico da assembleia constituinte

Em leitura:

Egito: Laicos protestam contra domínio islâmico da assembleia constituinte

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de egípcios tomaram as ruas do Cairo esta quarta-feira em protesto contra o domínio dos partidos islâmicos na assembleia constituinte. Os partidos laicos e liberais receiam que o texto fundamental imponha a lei islâmica no país. A assembleia conta 100 membros, metade dos quais parlamentares.

“O país está a ir no caminho errado. Se a Irmandade Muçulmana continuar nesta direção o Egito vai acabar como o Afeganistão ou o Paquistão” – afirma um manifestante.

“Estou aqui para dizer que a constituição pertence ao povo egípcio e o povo é composto pela sua diversidade. A Irmandade Muçulmana não nos comprou, os salafistas não nos compraram e os dirigentes do Golfo Pérsico também não” – exclama uma participante da manifestação.

Apesar das críticas, o presidente do parlamento, Saad Katatni, da Irmandade Muçulmana, foi nomeado para dirigir os trabalhos da assembleia constituinte. Mas os trabalhos não deverão estar concluídos antes das presidenciais de maio, pelo que os futuros candidatos desconhecem os poderes do chefe de Estado.