Última hora

Última hora

Fundo de resgate da zona euro sobe para 800 mil milhões de euros

Em leitura:

Fundo de resgate da zona euro sobe para 800 mil milhões de euros

Tamanho do texto Aa Aa

O fundo europeu de resgate passou de 500 a 800 mil milhões de euros. O acordo foi alcançado, esta sexta-feira, em Copenhaga, durante a reunião dos 17 ministros das finanças da eurozona, e, no montante, estão incluídos os 300 mil milhões já prometidos a Portugal, à Irlanda e à Grécia.

Na engenharia financeira do eurogrupo, trata-se de 500 mil milhões de “dinheiro fresco” para socorrer eventualmente países como a Espanha e a Itália.

Um avanço, estima Oli Rehn, vice-presidente da Comissão Europeia e comissário da tutela: “Fizemos progressos significativos nos últimos tempos, em termos de consolidação fiscal e de reforço da governação económica. Agora, é altura de completar a resposta de crise através do reforço da barreira de proteção da zona euro.”

Os 800 mil milhões são, contudo, um compromisso minimalista que os analistas estimam que pouco impressionará os mercados financeiros, os países do G20, o FMI ou a própria OCDE.