Última hora

Última hora

Bagdade acusa o Curdistão iraquiano de contrabando de Petróleo

Em leitura:

Bagdade acusa o Curdistão iraquiano de contrabando de Petróleo

Tamanho do texto Aa Aa

É mais um foco de tensão entre o Iraque e a sua região autónoma do Curdistão. As autoridades de Bagdade acusam a região curda de contrabando de petróleo.

Esta segunda-feira, em conferência de imprensa, o ministro iraquiano do Petróleo afirmou:

“Temos indicações e relatórios detalhados de que em algumas zonas da fronteira se procede ao desvio de crude em direção ao Irão. Esse crude passa do Iraque para os portos do golfo como Bandar Abbas e Khumaini e é vendido a preços muito mais baixos do que os preços do mercado internacional”.

O petróleo é um dos principais contenciosos entre a região curda do norte do Iraque e o poder central de Bagdade, a par das questões de soberania.

O Iraque queixa-se de perdas de receitas astronómicas sobre a venda do petróleo alegadamente contrabandeado; o Curdistão, por seu lado, reivindica o pagamento de 1,5 mil milhões de dólares de dívidas de Bagdade ao governo regional.