Última hora

Última hora

Itália: investigação a tesoureiro da Liga do Norte provoca tempestade no partido

Em leitura:

Itália: investigação a tesoureiro da Liga do Norte provoca tempestade no partido

Tamanho do texto Aa Aa

A Justiça italiana lançou uma investigação ao tesoureiro da Liga do Norte, suspeito de financiamento ilegal do partido, fraude, desvio de fundos e branqueamento de capitais.

Para além de Francesco Belsito, o inquérito visa outras duas pessoas com ligações à formação que foi parceiro-chave nos governos de Silvio Berlusconi. A polícia realizou esta terça-feira buscas na sede da Liga do Norte em Milão.

A investigação é coordenada pelas procuradorias de Milão, Regio Calabria e Nápoles. Em causa estão cinco milhões de euros em operações financeiras da Liga do Norte na Tanzânia e em Chipre. As autoridades de Nápoles também levantaram a hipótese de “lavagem de dinheiro” de um clã da Ndrangheta, a mafia da Calábria.

O ex-ministro do Interior Roberto Maroni, um dos “pesos pesados” da Liga do Norte – considerada como “parte lesada” no caso – exigiu a demissão de Belsito.

A polémica provocou uma tempestade no seio da formação liderada por Umberto Bossi, que sempre sublinhou como uma das prioridades o combate à corrupção e o caso poderá ter sérias repercussões nas eleições municipais de 6 e 7 de Maio.