Última hora

Última hora

Receios com abastecimento pressionam petróleo

Em leitura:

Receios com abastecimento pressionam petróleo

Tamanho do texto Aa Aa

O petróleo volta aos ganhos, após duas sessões em queda, impulsionado pelos dados do emprego nos Estados Unidos, por problemas no abastecimento iraquiano e pelos receios face ao Irão. A principal segurada chinesa anunciou o fim dos seguros para navios que transportem petróleo iraniano, ameaçando o abastecimento à segunda maior economia mundial e principal cliente de Teerão.

Em Londres, o barril de Brent para entrega em maio voltou a superar os 123 dólares. Desde o início do ano, subiu 12 por cento. Mas o analista Simon Wardell prevê uma descida, tendo em conta que “a economia mundial ainda está a recuperar e que os preços do petróleo podem afetar a retoma”.

Nas últimas duas sessões, o petróleo caiu para mínimos de sete semanas, depois das reservas estratégicas norte-americanas terem subido mais do que previsto, com Washington a delinear uma estratégia mundial para o uso das reservas, e face aos novos receios com a Europa.