Última hora

Em leitura:

Polícia carrega contra portuários gregos


Grécia

Polícia carrega contra portuários gregos

Os trabalhadorers portuários gregos manifestaram-se, esta sexta-feira, em Atenas, contra a redução severa que sofreram nas suas futuras pensões de reforma.

Desfilaram até junto da sede do Banco Central, onde os esperava um contingente policial.

O secretário-geral da União Sindical diz que esta austeridade é o caminho para o suicídio:

“Eles reduziram as nossas pensões…nós não podemos permitir mais isto.Eles querem que a gente se suicide”.

O encontro com a polícia nem sempre correu da melhor maneira.

O ânimos aqueceram, de um lado e do outro, com vários feridos a precisarrem de assistência hospitalar.

Na base do protesto, esteve uma nova fórmula de cálculo das pensões de reforma que retira direitos a estes trabalhadores, considerados uma profissão de desgaste mais rápido.

O governo justificou o corte, com o programa de austeridade e as dificuldades porque passa o sistema de segurança social.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Bósnia-Herzegovina