Última hora

Última hora

Rússia denuncia processo político de Viktor Bout

Em leitura:

Rússia denuncia processo político de Viktor Bout

Tamanho do texto Aa Aa

A condenação de Viktor Bout a 25 anos de prisão pela justiça americana é o resultado de um processo político. A acusação é feita pelo governo russo que pretende repatriar o antigo militar soviético. Bout foi detido na Tailândia em 2008 por agentes americanos que se fizeram passar por guerrilheiros colombianos das FARC que pretendiam comprar armas. Bout foi condenado pela intenção de vender armamento que serviria para atacar militares americanos.

Em Moscovo, a porta-voz da diplomacia russa, Maria Zakharova, disse que “apesar da fragilidade das provas da acusação e do método de captura ilegal por agentes americanos na Tailândia e consequente extradição, o sistema judicial americano, que executou uma ordem política óbvia, ignorou os argumentos da defesa assim como os apelos feitos ao mais alto nível em defesa de um cidadão russo.”

Viktor Bout é acusado de vender armas durante os conflitos em Angola, Libéria, Serra Leoa e República Democrática do Congo. A sua alegada atividade criminosa inspirou o filme “Senhor da Guerra”, com Nicholas Cage.