Última hora

Última hora

Rousseff queixa-se a Obama sobre política monetária

Em leitura:

Rousseff queixa-se a Obama sobre política monetária

Tamanho do texto Aa Aa

A presidente brasileira aproveitou o encontro com o homólogo norte-americano para protestar contra a política de “expansão monetária” dos países desenvolvidos que, segundo ela, “põe em risco” o crescimento das economias emergentes.

Na primeira visita à Casa Branca, Dilma Rousseff disse a Barack Obama que a “desvalorização das moedas dos países desenvolvidos” provoca um desequilíbrio cambial.

A presidente brasileira frisou que os Estados Unidos podem ter um papel “muito importante”, tanto na “limitação da crise”, como na estimulação do crescimento mundial.

Obama ficou-se por termos mais gerais, dizendo que as relações entre os dois países “nunca foram tão fortes”.

Entretanto, a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, e o chefe da diplomacia brasileira, António Patriota, assinavam um acordo que pretende incentivar e reforçar a segurança das ligações aéreas entre os Estados Unidos e o Brasil.