Última hora

Última hora

Transportes públicos em Bruxelas só a partir de amanhã

Em leitura:

Transportes públicos em Bruxelas só a partir de amanhã

Tamanho do texto Aa Aa

Bruxelas vai continuar sem transportes públicos pelo menos até amanhã.

Os trabalhadores recusaram voltar ao serviço esta terça-feira, alegando, falta de segurança.

Metros, autocarros e elétricos estão paralisados desde sábado depois de um trabalhador ter sido morto.

O governo admite reforçar o contingente policial, a partir de junho, mas há mais.

A ministra do Interior anunciou que vão ser introduzidas alterações na lei para reforçar as competências dos agentes de segurança nos transportes públicos, para que possam controlar e exigir os bilhetes de identidade. Tudo, adianta, para que em caso de infração não tenham de libertar a pessoa no espaço de 30 minutos, caso a polícia não tenha chegado.

No sábado, um trabalhador de 56 anos foi enviado para uma praça da capital belga para fotografar um acidente entre um carro e um autocarro. Mas foi agredido, acabando, por falecer horas depois.

O agressor, um homem de 28 anos, já foi detido pela polícia.