Última hora

Última hora

Exército sírio quebra cessar-fogo

Em leitura:

Exército sírio quebra cessar-fogo

Tamanho do texto Aa Aa

Durou pouco tempo o cessar-fogo na Síria. A cidade de Homs, foco da insurreição contra o regime de Bashar el-Assad, está a ser bombardeada desde a noite passada, segundo testemunhas.

Os militares terão também morto pelo menos quatro pessoas, em vários pontos do país, durante as orações de sexta-feira.

O governo sírio tinha chegado a acordo com a comitiva liderada por Kofi Annan, enviado especial das Nações Unidas e da Liga Árabe para um cessar-fogo, que entrou em vigor na quinta-feira de manhã.

A ONU prepara-se para votar uma resolução para o envio de uma equipa de 12 observadores, antes de seguir para a Síria uma delegação mais alargada, composta por 250 pessoas.

Ahmad Fawzi, porta-voz de Kofi Annan, confirma que a equipa está pronta para partir: “O grupo está pronto para embarcar nos aviões e chegar à Síria o mais depressa possível”.

Fawzi diz que este cessar-fogo está longe de significar o fim do conflito na Síria, é apenas uma primeira etapa no longo caminho para a reconciliação. A revolta contra o regime e a sangrenta repressão duram há mais de um ano.