Última hora

Em leitura:

YPF azeda relações comerciais entre Espanha e Argentina


economia

YPF azeda relações comerciais entre Espanha e Argentina

O caso da petrolífera YPF é seguido de perto por todas as empresas espanholas instaladas na Argentina. As relações comerciais entre os dois países têm na base diversos acordos, o último dos quais de 2006, e a balança comercial é favorável a Buenos Aires em quase mil milhões de euros.

YPF é apenas uma das cerca de 12 filiais de empresas espanholas instaladas na terceira maior economia da América Latina, com um peso cada vez maior nos resultados globais dos grupos. Os interesses espanhóis passam pela energia, telecomunicações, setor bancário, dos seguros e hotelaria. No final, Espanha é o maior investidor estrangeiro com mais de 17 mil milhões de euros, em 2009.

Espanha avisou que a expropriação da YPF seria vista como uma agressão e os analistas consideram que Buenos Aires terá ainda mais dificuldades em recuperar a confiança do mercado dez anos após a bancarrota do país.

Na bolsa os títulos da YPF e da Repsol estão a ser fortemente penalizados e a agência de rating Fitch colocou a nota da Repsol sob vigilância com “perspetiva negativa”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

economia

Inflação na zona euro manteve-se nos 2,7% em março