Última hora

Última hora

Damasco dificulta ativade dos observadores

Em leitura:

Damasco dificulta ativade dos observadores

Tamanho do texto Aa Aa

Homs debaixo de fogo nas últimas horas, apesar da pressão internacional para o respeito do cessar fogo.

Pelo menos 23 pessoas foram mortas ontem, dez vítimas do rebentamento de uma bomba deixada num passeio, tendo as forças de segurança como alvo.

O conselho de Segurança das Nações Unidas deve votar este fim de semana o envio de mais observadores para a Síria.

A Rússia e a União Europeia apresentaram propostas diferentes para uma resolução do Conselho de Segurança da ONU que autorize a presença de 300 observadores militares não armados.

O Conselho autorizou há uma semana o envio de até 30 monitores, mas a atividade e a segurança dos primeiro sete no terreno foi ameaçada e as autoridades sírias não estão a facilitar o trabalho dos enviados internacionais.