Última hora

Última hora

Sudão e Sudão do sul lutam pela zona petrolífera de Heglig

Em leitura:

Sudão e Sudão do sul lutam pela zona petrolífera de Heglig

Tamanho do texto Aa Aa

O Sudão do Sul anuncia  a retirada  das suas forças da zona de Heglig região petrolífera sob soberania sudanesa, ocupada há dez dias.
 
 
Cartum classificou de ‘ocupação’ a invasão e festeja nas ruas a decisão do sul.
 
O presidente  sudanês, Omar  El Bashir riposta que “a zona petrolífera não está autorizada a exportar o que vem do seu território se não for aceite a fórmula metade metade aplicada antes da sucessão”.
 
A disputa por Heglig, que possui uma das maiores reservas de petróleo do Sudão, ganhou força na semana passada, quando o Exército do Sudão do Sul passou a controlar a região.  
 
Para o Sudão do Sul, tanto Heglig quanto outras zonas fronteiriças são parte de seu território, pelo que recusa renunciar a esses  locais ao momento da demarcação de suas fronteiras com o Sudão.  
 
O processo  ainda está curso, as negociações foram rompidas por causa da escalada da violencia.