Última hora

Em leitura:

Eleições francesas: Hollande favorito na corrida ao Eliseu


mundo

Eleições francesas: Hollande favorito na corrida ao Eliseu

A batalha decisiva da corrida à presidência em França começa já esta noite. Com resultados muito próximos na primeira volta, os dois candidatos, François Hollande e Nicolas Sarkozy, estão já a fazer contas de cabeça.
 
A transferência dos votos dos que ficaram pelo caminho é fundamental para ambos os campos e vai ser preciso convencer os 46% dos eleitores que não se reviram em nenhum dos finalistas, na primeira volta.
 
As sondagens publicadas durante a noite apontam todas para a vitória do candidato socialista na segunda volta. François Hollande é creditado por vários institutos com intenções de voto entre 54 e 56%.
 
De acordo com algumas projeções, Hollande deverá beneficiar de 91% dos eleitores de Jean-Luc Mélenchon, 84% dos de Eva Joly; 40% vindos de François Bayrou; 27% de Marine Le Pen e 28% dos que na primeira volta se abstiveram ou registaram votos nulos. 
 
Para Nicolas Sarkozy serão canalizados 3% dos eleitores de Jean-Luc Mélenchon; 3% de Eva Joly; 25% de François Bayrou; 52% de Marine Le Pen e 13% dos que se abstiveram ou registaram votos nulos na primeira volta.
 
Os questionários foram realizados logo depois do encerramento das urnas. Até ao dia 6 de maio, dia em que os eleitores são de novo chamados a pronunciar-se, muita água vai correr debaixo das pontes.
 
François Hollande conta com a sede de mudança por parte da sociedade, mas terá que contar também com o voluntarismo e a experiência de um “animal político” chamado Nicolas Sarkozy.


 
 
 

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Eleições francesas: Sarkozy: "Peço três debates antes da segunda volta"