Última hora

Última hora

França: DSK diz ter sido tramado por colaboradores de Sarkozy

Em leitura:

França: DSK diz ter sido tramado por colaboradores de Sarkozy

Tamanho do texto Aa Aa

Dominique Strauss-Khan (DSK) está convencido ter sido vítima duma cilada para impedir a sua candidatura às presidenciais francesas. A nove dias da segunda volta, o jornal britânico The Guardian publicou uma entrevista com o antigo diretor-geral do FMI caído em desgraça em maio do ano passado depois de uma acusação de agressão sexual num hotel de Nova Iorque.

Na entrevista concedida ao jornalista Edward Jay Epstein, que lança na segunda-feira um livro sobre o caso, o antigo dirigente socialista admite ter sido ingénuo mas não esperava que o tramassem. DSK acredita que o caso foi aproveitado por colaboradores próximos do presidente Sarkozy apesar do encontro com a empregada de hotel não ter sido orquestrado.