Última hora

Última hora

Guangcheng estará sob proteção dos Estados Unidos

Em leitura:

Guangcheng estará sob proteção dos Estados Unidos

Tamanho do texto Aa Aa

O ativista chinês Chen Guangcheng está na embaixada dos Estados Unidos em Pequim.

A garantia é dada por uma organização dos direitos humanos com sede nos Estados Unidos, mas ainda não foi confirmada pelas autoridades norte-americanas.

O advogado invisual que fugiu da prisão domiciliária em que se encontrava há mais de um ano e meio denunciou, entretanto, ter sido vítima, juntamente com a família, de uma série de abusos e pediu a abertura de investigação.

O fundador da Chinaid explica que o ativista já foi convidado a regressar a casa em segurança, mas Guancheng está, adianta, relutante porque pretende continuar a lutar pela liberdade e pelos direitos básicos dos cidadãos chineses.

A maior preocupação do ativista dos direitos humanos é a família que deixou para trás.
Guangcheng teme que a mulher e o filho possam ser vítimas de represálias por parte do governo chinês.