Última hora

Última hora

Ban Ki-moon homenageia Aung San Suu Kyi

Em leitura:

Ban Ki-moon homenageia Aung San Suu Kyi

Tamanho do texto Aa Aa

Foi um momento histórico… Ban Ki-moon foi recebido por Aung San Suu Kyi, em Rangum. O secretário-geral da ONU louvou a coragem da Prémio Nobel da Paz, com quem não pudera encontrar-se em 2009, quando a opositora ao regime de Myanmar estava ainda em prisão domiciliária.

Ban Ki-moon homenageou também o “sentido político” de Aung San Suu Kyi, que acabou por decidir tomar posse como deputada. “Os verdadeiros dirigentes sabem ser flexíveis em nome da causa superior do povo”, estimou Ban Ki-moon.

Após uma semana de braço de ferro com o regime, Suu Kyi acabou por aceitar jurar “salvaguardar” a Constituição de 2008, que arroga poderes imensos aos militares. A reforma da constituição é uma das prioridades de Aung San Suu Kyi, eleita deputada nas eleições de abril, após 20 anos de confronto com a junta militar birmanesa.