Última hora

Última hora

Pais de Maddie convictos que filha está viva

Em leitura:

Pais de Maddie convictos que filha está viva

Tamanho do texto Aa Aa

Os pais de Madeleine McCann acreditam que a filha está viva cinco anos após o desaparecimento no Algarve. A esperança é confortada por testemunhos como os de António Castela. Este taxista de 72 anos afirma ter transportado uma criança parecida com Maddie no dia seguinte ao seu desaparecimento, entre Monte Gordo e Vila Real de Santo António. A criança estava em pijama e era acompanhada por quatro adultos. António Castela afirma ter-se deslocado à polícia que tomou nota da ocorrência e nunca mais o contactou.

Gerry e Kate McCann desejam a reabertura do processo.

“Estamos mais esperançados que nunca de que vamos encontrar Madeleine. Este sentimento mudou em grande medida por causa da revisão da investigação que está a ser feita pela polícia inglesa” – afirma Gerry, enquanto Kate lança um apelo – “Penso que as hipóteses de encontrar Madeleine e a pessoa que cometeu o crime dependem da reabertura do processo.”

Apesar da polícia inglesa falar em centenas de indícios, as autoridades portuguesas consideram que não há elementos que justifiquem a reabertura do caso.