Última hora

Última hora

Egito: Exército decreta recolher obrigatório no Cairo

Em leitura:

Egito: Exército decreta recolher obrigatório no Cairo

Tamanho do texto Aa Aa

O exército egípcio declarou o recolher obrigatório durante a noite no bairro do Cairo onde se situa o ministério da defesa. Os confrontos entre manifestantes e elementos das forças de segurança já fizeram mais de uma centena de feridos e alguns meios de comunicação evocam a existência de mortos.

As manifestações começaram junto do edifício do ministério da Defesa, no bairro de Abassyia e estenderam-se rapidamente à praça Tahrir, local simbólico da revolução do ano passado.

Um jovem explica que “o problema é o conselho militar que deixou as pessoas matarem-se uma às outras e perpetrou massacres e que diz intervir para proteger os cidadãos. Que cidadãos estão a proteger após todos os massacres que ocorreram?” É a pergunta que deixa em aberto.

A três semanas da primeira eleição presidencial desde a queda de Hosni Mubarak, milhares de pessoas saíram às ruas do Cairo e de Alexandria para protestarem contra a ação do exército nos confrontos da quarta-feira passada, nos quais terão sido mortas 20 pessoas.

O exército tinha avisado que responderia a todas as tentativas de ataque contra as suas instalações. Os manifestantes lançaram pedras sobre os militares, que responderam com canhões de água.