Última hora

Última hora

Grécia: Resultado eleitoral pode tardar a chegar

Em leitura:

Grécia: Resultado eleitoral pode tardar a chegar

Tamanho do texto Aa Aa

Uma jornada eleitoral na Europa. Este domingo vota-se em França, na Grécia, na Alemanha, na Itália e na Sérvia.
 
Os primeiros a conhecerem sondagens à boca das urnas, esta noite, são os gregos, mas poderão ser os últimos a conhecer os resultados. Os analistas são unânimes na previsão de que uma imagem clara do futuro panorama parlamentar na Grécia só deverá ser conhecido noite dentro.
 
Espera-se uma dispersão do voto por pequenos partidos da esquerda e da direita, mais ou menos radical. Segundo a última sondagem da campanha, os partidos da esquerda, não socialista – os radicais do Syrizia, a Esquerda Democrática e o Partido Comunista - poderão arrecadar cerca de 30% dos sufrágios; enquanto a direita alcança 15%, com um terço para os neo-nazis do Aurora Dourada.
 
A implosão do tradicional sistema de alternância entre a Nova Democracia e o Pasok promete dificultar a contagem dos votos esta noite, já que se espera a entrada de cinco novos partidos no parlamento grego.
 
A nova assembleia poderá passar de cinco para dez representações partidárias, o que aumenta o receio de uma forte instabilidade política no país.