Última hora

Última hora

François Hollande: "Estou orgulhoso de ter sido capaz de trazer de novo a esperança"

Em leitura:

François Hollande: "Estou orgulhoso de ter sido capaz de trazer de novo a esperança"

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro discurso do novo presidente francês, François Hollande, foi feito na cidade de Tulle, na região da Corrèze, antes de partir para Paris, onde uma multidão o aguardava, na praça da Bastilha.

Hollande afirmou:

“Muitos esperavam este momento há longos anos, outros, mais jovens, ainda não o tinham conhecido. Alguns tiveram muitas decepções e têm muitas lembranças cruéis. Estou orgulhoso de ter sido capaz de trazer, de novo, a esperança. O primeiro dever do presidente da república é de unir e associar cada cidadão à ação comum para enfrentar os desafios que nos esperam. E são numerosos e pesados. Primeiro, a retoma da produtividade para tirar o país da crise. A redução dos éfices para controlar a dívida. A preservação do modelo social para garantir a todos os mesmo acesso aos serviços públicos. A igualdade nos nossos territórios, e penso nos bairros suburbanos e nos departamentos rurais. A prioridade educativa, a escola da república, que será o meu compromisso. A exigência ambiental, a transição ecológica que temos que cumprir. A reorientação da Europa para o emprego, para o crescimento, para o futuro. E, no momento em que o resultado é proclamado, tenho a certeza que em muitos países europeus, isto foi um alívio, uma esperança. A ideia que, enfim, a austeridade não pode ser uma fatalidade é a minha missão a partir de agora, ou seja, dar à construção europeia uma dimensão de crescimento, emprego, prosperidade. O sonho do futuro. E isso é o que vou dizer, o mais depressa possível, aos nossos parceiros europeus e, em primeiro, à Alemanha”.

Hollande quer uma passagem de poder o mais rápido possível, mas só Nicolas Sarkozy decidirá se deixará o Palácio do Eliseu antes de 15 de maio, data limite imposta pela constituição.