Última hora

Última hora

Valdimir Putin e os desafios da economia russa

Em leitura:

Valdimir Putin e os desafios da economia russa

Tamanho do texto Aa Aa

Numa cerimónia com pompa e circunstância, Vladimir Putin tomou posse esta segunda-feira como chefe de Estado, rumo ao terceiro mandato presidencial.

Os analistas dizem que desta vez terá de enfrentar mais adversidades.

Putin anunciou que quer captar mais investimento estrangeiro, melhorando o clima de negócios na Rússia, embora sem concretizar como.

Grande parte do “boom” económico russo conseguido nos dois últimos mandatos de Putin deveu-se ao aumento nos preços do gás e do petróleo. Uma indústria que representa cerca de 50% da receita do país.

“Ouvimos sempre falar em diversificação desde que Putin chegou ao poder. No entanto, a economia russa está ainda mais dependente do petróleo após 12 anos de liderança de Putin, do que estava no início”, diz Maria Lipman, analista.

No ano passado a economia russa cresceu 4,3%. Um balanço positivo atendendo à recessão reinante em vários países da Europa.

Os economistas preveem que este ano a Rússia cresça 3,65%.