Última hora

Última hora

Extrema-esquerda tenta formar governo na Grécia

Em leitura:

Extrema-esquerda tenta formar governo na Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia está cada vez mais próxima de regressar às urnas, três dias após as legislativas.

Depois do fracasso dos conservadores é a vez da extrema-esquerda tentar formar um governo. Alexis Tsipras, que rejeita o plano de resgate da Troika, tem três dias para conseguir reunir o apoio dos outros partidos, depois de nenhuma formação ter saido com uma maioria clara do sufrágio de domingo.

Os socialistas do antigo ministro das Finanças Evangelos Venizelos deverão ser os últimos na lista a tentar ultrapassar o impasse.

Conservadores e socialistas rejeitam qualquer acordo que não preveja o apoio ao plano de resgate da Troika.

A única saída do impasse será a convocação de eleições antecipadas para junho, que poderão arriscar-se a prolongar a crise política.

No domingo, 60% dos gregos votaram em formações contrárias às medidas de austeridade, uma escolha que beneficiou a extrema-esquerda e partidos extermistas à direita, como os neonazis da formação “Alvorada Dourada”.