Última hora

Última hora

Alemanha recusa abandonar austeridade

Em leitura:

Alemanha recusa abandonar austeridade

Alemanha recusa abandonar austeridade
Tamanho do texto Aa Aa

Angela Merkel não vai desistir das medidas de austeridade por considerar que elas também vão conduzir ao crescimento. A líder da maior economia europeia discursava no Bundestag.

A chanceler admite que a redução da dívida e também o crescimento são «dois pilares» da estratégia necessária para que o bloco do euro saia da crise.

“O crescimento através de reformas estruturais é importante e necessário. O crescimento através de mais endividamento levar-nos-ia de volta ao início da crise”.

Por isso, na cimeira do G20, «vou dizer que a superação da crise das dívidas soberanas na Europa não acontecerá da noite para o dia, por muito que o queiramos».

A crise europeia enfrenta novos desafios desde as eleições que ocorreram no passado domingo em França e na Grécia.