Última hora

Em leitura:

Polícias nas ruas de Londres para protestar


Reino Unido

Polícias nas ruas de Londres para protestar

São imagens que prometem embaraçar o chefe de governo britânico David Cameron.

Milhares de polícias despiram a farda, em Londres, e manifestaram-se contra as medidas de austeridade e as reformas do sistema de pensões.

O protesto coincidiu com uma paralisação nacional dos funcionários públicos. A polícia britânica não tem direito a fazer greve, mas isso não impediu que fizessem ouvir a sua voz:

“Quando se corta o orçamento da polícia em 20 por cento, a única coisa que se consegue é mais desordem, crime, e comportamento anti-social e é.
por isso, que aqui estamos hoje” afirma Paul Mkeever, presidente da Federação de Polícia.

Na origem do protesto está também um relatório do governo que admite a possibilidade de despedir agentes, de reduzir os salários e de aumentar a idade da reforma. Medidas que integram um vasto pacote para equilibrar as contas públicas.

“Não devíamos pagar mais, receber menos e trabalhar mais tempo por uma crise que não originamos” defende um polícia.

O protesto desta quinta-feira pode não ficar por aqui. Os sindicatos ameaçam voltar às ruas e não descartam a hipótese de as ações de luta ocorreram durante os Jogos Olímpicos que arrancam em julho.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Queda de avião na Indonésia sem sobreviventes