Última hora

Última hora

Cinco maiores bancos de Espanha reforçam reservas

Em leitura:

Cinco maiores bancos de Espanha reforçam reservas

Tamanho do texto Aa Aa

O anúncio feito por Madrid de um aumento das provisões dos bancos em 30 mil milhões de euros para fazer frente aos empréstimos “duvidosos” reavivou o setor financeiro, incluindo o maior banco do país, o Santander.

As caixas de poupanças regionais, chamadas cajas, preparam-se para encontrar os recursos necessários enquanto os cinco maiores bancos do país anunciaram que vão colocar de parte 15 mil milhões de euros.

Além dos 2,3 mil milhões de euros anunciados em fevereiro, o Banco Santander disse que vai manter mais 2,7 mil milhões de euros em provisões para limpar o balanço.

O gigante financeiro disse que não precisará de ajuda do Governo para este financiamento que ultrapassa os cinco mil milhões de euros no total.

Esta soma vai afetar diretamente os resultados financeiros do Banco Santander.

Em relação ao ano passado, o lucro do banco espanhol no primeiro trimestre caiu 24% para 1.6 mil milhões de euros por causa do aumento nas provisões.

E o novo plano significa novos custos.

O banco disse que vai usar receitas da venda de uma unidade na Colômbia e que não vai mudar o montante do dividendo.

Os investidores, aparentemente, não estão assim tão seguros devido às incertezas no setor financeiro do país.

Segunda-feira, as ações do Banco Santander Banco chegaram ao fim da sessão da bolsa de Madrid com uma perda de 3,1 %.