Última hora

Última hora

O caos grego pesa sobre a zona euro

Em leitura:

O caos grego pesa sobre a zona euro

Tamanho do texto Aa Aa

Atenas de impasse em impasse nas negociações para a formação de um governo de coligação.

As reuniões entre partidos tendo em vista a ideia de um Executivo tecnocrata, são retomadas estas terça-feira, mas sem grandes expectativas.

A possibilidade de abandono do euro por parte da Grécia ganha terreno nos últimos dias.

Berlim afirma que Atenas permanecerá entre as 17 capitais do euro enquanto respeitar o plano de resgate.

“Acredito que é melhor para os gregos ficarem na Zona Euro, mas isso também exige que nós definamos um percurso em que os gregos possam voltar a caminhar pelo seu pé”, declarou Merkel num painel de discussão com estudantes, em Berlim.

Mas na Alemanha outras vozes defendem que a Grécia deve sair do euro e que é tempo de admitir a derrota.

Este analista do Beader Bank diz que os gregos não são capazes de resolver os seus problemas internos e por isso não pode sobreviver na zona euro.

A revista alemã “Der Spiegel” escreve esta semana que “as melhores esperanças para a Grécia estão, agora, no regresso ao dracma”, uma ideia que não desagrada aos gregos mais nostálgicos.