Última hora

Última hora

"A caça": o abuso de Vinterberg em Cannes

Em leitura:

"A caça": o abuso de Vinterberg em Cannes

Tamanho do texto Aa Aa

O dinamarquês Thomas Vinterberg regressa a Cannes como à reunião de família retratada no filme “a festa”, com que venceu a palma de ouro em 1998: pronto para chocar.

O realizador dinamarquês apresentou no festival o seu novo filme “The Hunt”, “A caça”, onde, sem dogmas, explora o tema do abuso sexual de menores do ponto de vista de um adulto inocente.

“Este festival é para mim o único festival do mundo que protege os filmes pequenos, puros e pessoais, sem nunca perder o “glamour” que o envolve. É um sítio potente, bastante importante e é por isso que estou orgulhoso de estar aqui”.

“A caça” conta a história de um carismático professor de escola primária, abandonado por todos, depois de ser acusado por uma aluna de abuso sexual.

Uma descida aos infernos de um personagem, encarnado pelo ator Mads Mikkelsen, inocente mas aprisionado numa espiral de suspeitas.

Provocador, Vinterberg afirma querer com o filme desmentir o provérbio dinamarquês que diz que, “as crianças e os bêbados dizem sempre a verdade”.