Última hora

Última hora

Investidores fogem da dívida italiana e espanhola

Em leitura:

Investidores fogem da dívida italiana e espanhola

Tamanho do texto Aa Aa

Os investidores internacionais estão a fugir das obrigações italianas e espanholas, segundo a agência Fitch.

No caso italiano, a quota de dívida detida por estrangeiros baixou, no primeiro trimestre, para 32 por cento, contra 50% em 2008. Já em Espanha, em quatro anos, passou de 60% para 34.

E a fuga continua, sendo ligeiramente compensada pela compra dos bancos, após a injeção de liquidez do Banco Central Europeu.