Última hora

Última hora

Protestos contra a falta de liberdade de expressão no Azerbaijão

Em leitura:

Protestos contra a falta de liberdade de expressão no Azerbaijão

Tamanho do texto Aa Aa

Os protestos contra a falta de liberdade de expressão em Baku, no Azerbaijão, estão a ter ecos mais fortes na comunidade internacional. Os defensores dos Direitos Humanos intensificaram as manifestações durante o Festival da Canção, mas as autoridades aumentaram também a repressão.
 
Só esta quinta-feira foram detidas mais 35 pessoas.
 
A Eurovisão também tem sido alvo de contestação.
A Amnistia Internacional considera mesmo que “a Eurovisão, que organiza o concurso, tem que falar, de forma severa, com as autoridades do Azerbaijão. A instituição intitula-se protetora da liberdade de expressão e da liberdade jornalística e estes direitos estão a ser violados. A comunidade internacional tem que desviar a atenção dos petro-dólares, que circulam para fora da região do Cáspio, e olhar um pouco mais de perto as violações dos Direitos Humanos que estão a acontecer.”
 
Grande parte dos protestos foram feitos junto ao edifício que foi construído de propósito para acolher o Festival da Eurovisão, que decorre até dia 26 de Maio.