Última hora

Última hora

Alemães vão ter que decidir se querem ou não doar órgãos

Em leitura:

Alemães vão ter que decidir se querem ou não doar órgãos

Tamanho do texto Aa Aa

Parlamento alemão aprovou, por larga maioria, uma lei sobre a doação de órgãos.

A nova lei impõe que se pergunte a todos os inscritos na segurança social, com mais de 16 anos, se, em caso de morte, pretendem doar órgãos.

Na Alemanha mais de 12 mil pessoas aguardam na fila por um órgão e, segundo as estatísticas, a cada oito horas morre alguém que, com um transplante, poderia ter sobrevivido.

O líder parlamentar do SPD explica que esta decisão é favorável para todos porque, mas no caso de uma morte inesperada, não é a família que tem que decidir se a pessoa que morreu queria ou não ser doadora. Steinmeier doou um rim para salvar a mulher em agosto de 2010.

O parlamento assegura que a doação continuará a ser voluntária e garante que não será exercido qualquer tipo de pressão.