Última hora

Em leitura:

Estado de emergência no Peru


Perú

Estado de emergência no Peru

Foi declarado o estado de emergência no Peru, depois de duas pessoas terem morrido e mais de 50 terem ficado feridas numa manifestação contra uma empresa mineira.

O Governo do Peru declarou o estado de emergência durante 30 dias na província de Espinar.
O Primeiro-ministro peruano, Oscar Valdes, explicou que esta medida foi tomada para garantir a segurança da população local e de todos os que passam pela região de Cuzco.

Os habitantes da região contestam os trabalhos da empresa suíça Xstrata: alegam que a mina de cobre de Tinaya, propriedade da companhia, está a contaminar os rios das proximidades. Querem ainda que seja feita uma análise da degradação ambiental. Só em 2011, a Xstrata extraiu quase 75 mil toneladas de cobre concentrado.
Os manifestantes querem também que seja renegociado o valor que a empresa suíça paga pela exploração da mina aos locais.

Os protestos acabaram então em confrontos com as autoridades. Duas pessoas morreram, mais de 50 ficaram feridas, entre eles 30 polícias.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Colômbia: Enviado do presidente francês já coordena libertação de jornalista