Última hora

Última hora

União Europeia: Irlanda favorável ao pacto de estabilidade

Em leitura:

União Europeia: Irlanda favorável ao pacto de estabilidade

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro irlandês, Enda Kenny, tudo indica, pode respirar de alívio face à Europa. O referendo popular sobre a adesão ao pacto de estabilidade financeira europeu decorreu quinta-feira, na Irlanda. A vitória do “sim”, com cerca de 60 por cento dos votos, é quase certa, garantiram fontes do governo irlandês.

Na oposição, o partido Sin Fein é contra o pacto europeu. Ainda assim, Gerry Adams, o líder do Sin Fein, defende que, quer ganhe o “sim” quer ganhe o “não”, este referendo não vai servir de nada à situação difícil dos irlandeses.

As notícias sobre abstenção é que não são famosas. Muitos irlandeses faltaram à chamada do referendo, o único do género entre os 27 membros da União Europeia.

Com a antecipada vitória do “sim” irlandês, ao pacto de estabilidade europeu ficarão a faltar apenas as assinaturas da Républica Checa e do Reino Unido. Mas, para confirmar a ratificação da Irlanda, falta ainda oficializar o referendo. Os votos são contados esta sexta-feira.