Fechar
Login
Por favor, introduza os seus dados de login

Skip to main content

|

É uma estranha forma de homenagem: um holandês quis imortalizar o seu gato que tinha e que morreu. Embalsamou o animal e transformou-o num helicóptero.

Depois de ser atropelado e ter morrido, o gato Orville tornou-se numa obra de arte e agora exibida numa exposição em Amesterdão.

Bart Jansen aplicou um motor ao corpo embalsamado, hélices em cada uma das quatro patas e agora voa.
E esta criação bizarra tem uma explicação: de acordo com o dono, o gato chamava-se Orville em homenagem a Orville Neville, um famoso aviador, além disso, «adorava pássaros».

Copyright © 2014 euronews

Mais informação sobre
|