Última hora

Última hora

Egito: manifestantes voltam a encher Praça Tahrir

Em leitura:

Egito: manifestantes voltam a encher Praça Tahrir

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de egípcios voltaram a encher a praça Tahrir do Cairo para reclamar as premissas da revolta popular de 2011, que muitos consideram estar a ser desvirtuada.
 
Uma das exigências da multidão é a anulação da candidatura do ex-primeiro-ministro de Mubarak, Ahmed Shafiq – considerado como uma figura do antigo regime -, na segunda volta das presidenciais.
 
Uma manifestante diz que o povo “não reconhece estas eleições, nem a segunda volta, que deixa a população com a pior de duas escolhas”.
 
Os manifestantes contestam também há vários dias as sentenças atribuídas às figuras do antigo regime, depois do presidente deposto ter escapado à pena de morte e de dois filhos de Mubarak e vários altos responsáveis da segurança terem sido ilibados.
 
Um manifestante afirma que “foram os vereditos mais injustos de toda a História”.
 
O correspondente da euronews, Riad Muasses, diz que “os protestos prometem continuar, com as mesmas exigências: um novo julgamento das figuras do antigo regime e a recusa da candidatura de Shafiq”.