Última hora

Última hora

Delegação do TPI detida na Líbia

Em leitura:

Delegação do TPI detida na Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

Quatro elementos do Tribunal Penal Internacional (TPI) estão detidos na Líbia desde quinta-feira. A delegação reuniu-se com o filho de Muammar Kadhafi, Saif al-Islam, e durante o encontro a advogada australiana Melinda Taylor foi apanhada com documentos considerados perigosos pelos carcereiros.

“No decorrer da visita a advogada tentou entregar documentos a Saif al-Islam. Tinha uma folha em Branco com a assinatura do detido e cartas de pessoas que estão fora do país como Mohammed Ismail, o antigo braço-direito de Saif al-Islam. Estas cartas foram confiscadas” – explicou Ahmad al-Jehani, o advogado líbio que faz a ligação entre Tripoli e o TPI.

A Líbia e o tribunal de Haia disputam a competência para julgar o filho do ex-ditador. A delegação está detida na localidade de Zintan, 170 quilómetros a sudoeste de Tripoli. Saif al-Islam continua nas mãos dos captores que exigem o pagamento de soldos em atraso às autoridades centrais.