Última hora

Última hora

Irlanda dá o exemplo no Festival de Animação de Annecy

Em leitura:

Irlanda dá o exemplo no Festival de Animação de Annecy

Tamanho do texto Aa Aa

A edição deste ano do Festival de Annecy, em França, homenageia o cinema de animação da Irlanda. Um país feito de lendas e de filmes que têm percorrido o circuito mundial de festivais. Alguns atravessaram mesmo o Atlântico para marcar presença nos Óscares.

“O Segredo de Kells” de Tomm Moore e Nora Twome foi nomeado para os Óscares em 2010 e conquistou o Prémio do Público em Annecy, em 2009. Nos últimos anos, o cinema de animação transformou-se numa imagem de marca da Irlanda.

A curta-metragem “A Bela Adormecida”, de Granny O’Grimm’s, nomeada para um Óscar em 2010, foi produzida por Darragh O’Connell. A história de sucesso começou em 1994 com a criação de uma produtora, a Brown Bag Films, que já tem agências em Los Angeles e assinou um contrato com a Disney para uma série televisiva.

“O Mundo Exterior”, de David O’Reilly, fez um longo circuito de festivais, incluindo o Festival de Cinema de Veneza e o de Sundance. A curta-metragem foi distinguida com mais de 40 prémios.